quarta-feira, 26 de setembro de 2012

O Líder de célula como discipulador por excelência



O líder de célula é a função mais importante em nossa igreja local. São eles quem formam junto com os pastores uma rede de cuidado e pastoreio eficiente. O discipulado acontece por meio das células onde cada líder deve ser um discipulador. Quais devem ser as atitudes a serem tomadas e erros a serem evitados pelo líder discipulador?

ü Atitudes de um líder discipulador:
o   Não se isola dos seus discípulos
o   Reparte as responsabilidades da célula com eles
o   Leva-os consigo em todas as reuniões de liderança
o   Delega a eles uma parte dos membros da célula para que eles os apascentem
o   Planeja junto com eles cada evento da célula
o   Avalia junto com eles o acompanhamento dos membros
o   Não tem medo de que seu discípulo se torne maior do que ele.

ü  Os equívocos mais comuns do discipulado:
o   O discipulador deve andar atrás do discípulo
o   O discipulado é para alguém cuidar de mim
o   Discipulado é somente para pegar relatórios
o   Aceito o discipulado, mas não que falem na minha vida pessoal
o   Não tenho tempo para o discipulado
o   Posso crescer sozinho
o   Quero ser discipulado, mas não quero liderar
o   Quero liderar, mas não quero o discipulado
o   Quero ser discipulado, mas não quero que cobrem nada de mim – o alvo do discipulado é o crescimento
o   Quero ser discipulado, mas não quero cuidar de discípulos

ü Transformando membros em discípulos (At 6.1,2)

O livro de Atos se refere aos irmãos como “a comunidade dos discípulos”. Isso revela que o que estava no coração dos apóstolos não era apenas pregar o Evangelho e salvar pessoas, mas sim, fazer discípulos de Jesus. Em nossa igreja, a célula é o lugar de formar discípulos, afinal somos “UMA IGREJA EM DISCIPULADO POR MEIO DAS CÉLULAS” , este é o nosso grande desafio. Para alcançar esse desafio, o líder de célula precisa considerar três pontos essenciais:
1.       Encarar seus desafios como líder e superar os seus próprios bloqueios;
2.       Suprir as necessidades dos membros através do ensino da Palavra e do mover do Espírito Santo;
3.       Investir adequadamente nos líderes em treinamento, discipulando-os.

Dessa forma o discipulado alcança todos os membros da igreja. Começando com o pastor da igreja local, até os novos convertidos. O alvo desse discipulado é passar o DNA. O crescimento da igreja está associado diretamente com o crescimento das células. E o crescimento das células, por sua vez, depende da atitude dos seus líderes em formar discípulos. Não desista, você faz parte daqueles que Deus chamou dentre as nações para ser filho semelhante a Jesus, discípulo e discipulador apostólico.

Pr Fernando Balthar (texto extraído da internet – adaptado)

Um comentário:

  1. realmente a célula deve crescer no meio evangélico a célula gera crescimento espiritual tando pro discípulo quanto pro líder

    ResponderExcluir